12 de nov de 2010

A MULHER E O DIABO (ESBOÇO)

Muito triste porque o homem que ama não lhe da à atenção que julga merecer, não a trata como os vassalos e suas senhoras; Angela ajoelha e reza, pede a deus que o faça enxergar que ela é uma mulher interessante, que poderia demonstrar um pouco mais o seu amor e seu afeto, lhe fazer surpresas, mensagens, flores, chocolate... O sonho de Angela é que sua relação fosse sempre como as duas primeiras semanas, quando seu amado fazia questão de conquistá-la. Essa fase passou rápido! Angela se pergunta se a culpa é sua, se foi ela que deixou de demonstrar seu afeto, de doar seu carinho, ela fica insegura achando que o problema pode ser com ela, será que ela não é mulher o suficiente a ponto de despertar o lado mais masculino dele... Ou será que esse homem não enxerga que Angela é uma mulher delicada, que merece atenção, declarações e merece paixão. Esse homem deve prestar mais atenção!!!

Ajoelhada Angela faz sua prece:
— Meu deus, já não sei o que fazer ou o que pensar. Sempre achei que havia encontrado o homem da minha vida! Parece que não sou a mulher da vida de ninguém... Será que algum dia, ele verá que mereço muito mais do que as migalhas que recebo. O amor é abstrato, não posso segurá-lo com minhas mãos, mas posso ver os gestos e demonstrações... Posso saber que sou amada, mas seria tão bom se houvesse um pouco de romance. Onde será que consigo comprar um bocado de romance? Eu posso dar de presente a ele no próximo natal, e ai até meu aniversário essa plantinha já deve ter dado algum fruto, quem sabe... É isso que falta, romance!

De repente aparece uma figura estranha na frente dela. Com um odor peculiar e uma túnica branca, cabelos compridos, seios grandes, ela achava que via pequenos chifres em sua testa.
Lhe disse:
— Minha pequena Angela... Tão bonita e tão ingênua! Pare de sonhar minha criança. Não existe mais romance e as mulheres boazinhas perderam a batalha para as mulheres poderosas minha querida. Você acha mesmo que sendo uma mulher dedicada e apaixonada vai conseguir conquistar paixão em qualquer homem que seja?! Está enganada!

Angela indaga:
—Mas como pode? Eu sempre procurei ser correta e me preocupar com o que ele sentia e o apoiar em tudo. Fui sua mãe, sua amiga e sua amante. Fui tudo que ele precisava nas horas difíceis e estive a seu lado sempre que precisou. Como pode todo o amor que lhe oferto não ser suficiente para fazer com que ele se apaixone por mim ou ao menos queira me fazer feliz como nos contos que tanto gosto. Eu sempre sou o mais carinhosa que posso ser e sempre faço de tudo para vê-lo bem. Na verdade não sei mais o que fazer para ficarmos bem... O que devo fazer?

— Já que perguntou... Acho que deve deixar de ser boba pra começar. Olhe em volta, quantas mulheres ainda agem como você? E quantas são felizes? Só você ainda acredita nesses contos infantis. Eles foram feitos para as meninas acreditarem que devem casar, mas não necessariamente viver neles. Queridinha acorda! Não se pode dar tudo aos homens, deixe que ele tenha que buscar alguma coisa, ou fica muito fácil. Eles não gostam disso. O amor para os homens é uma conquista. E quanto mais difícil é, melhor fica a caçada. Depende de você ser uma presa fácil ou não.

Muito assustada Angela começou a se questionar se seus valores e seus amores eram ou não corretos. O num instante decidiu ouviu deus, que virou as costas, e para nossa surpresa era o Diabo que havia esquecido o rabo de fora.

Nenhum comentário: